Potter Heaven

História de Hogwarts

Cras mattis consectetur purus sit amet fermentum.

Há 1000 anos ou um pouco mais, Godrico Gryffindor, Salazar Slytherin, Helga Hufflepuff e Rowena Ravenclaw, os maiores bruxos de sua época, juntaram-se num sonho em comum: criar uma escola de magia.

Foi assim que nasceu a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, localizada na Escócia e protegida por feitiços anti-trouxas, que só vêem um galpão abandonado ao se aproximarem.

Cada fundador prezava uma característica, e gostaria que ela fosse utilizada como critério de seleção.

Gryffindor acreditava que apenas os ousados, nobres e de sangue-frio fossem escolhidos, enquanto Slytherin desejava que os astutos pudessem aprender com ele. Já Ravenclaw admirava os de mente alerta e Hufflepuff os justos e leais.

Para resolver o problema, Godrico tirou seu chapéu da cabeça e sugeriu que ele fosse transformado em um Chapéu Seletor. Dotado de fala e pensamento, o Chapéu passou a dividir os alunos entre 4 casas, nomeadas em homenagem aos fundadores como Grifinória (Gryffindor), Sonserina (Slytherin), Lufa-Lufa (Hufflepuff) e Corvinal (Ravenclaw.)

Algum tempo depois a criação da escola, no entanto, Salazar teve uma briga terrível com Godrico e largou Hogwarts. Foi então que surgiu a lenda da Câmara Secreta.

Hogwarts é cheia de mistérios, com salas que nem o diretor conhece e feitiços variados. Na sala de Dumbledore há quadros de antigos diretores da escola, que dão conselhos ou reclamam das atitudes tomadas por ele.