Potter Heaven

Entrevista com James e Oliver Phelps

James e Oliver Phelps

Em uma entrevista conduzida pela Scholastic com os atores James e Oliver Phelps nos sets de filmagem do filme Harry Potter e as Relíquias da Morte, eles falam um pouco sobre seus papéis como Fred e Jorge Weasley, sobre acessórios usados no filme e ainda sobre os atores Rupert Grint e Alan Rickman.

Você pode conferir a entrevista traduzida na íntegra a seguir:

Vocês podem nos dizer como conseguiram os papéis em Harry Potter?
James: Um amigo nosso tinha visto o anúncio no jornal. Nunca tínhamos feito nenhum trabalho de atuação nem nada, então nossa mãe entrou no quarto e disse, “Vocês gostariam de ir? Está lá se quiserem.” Era tipo o final do ano letivo e ela diz, “Infelizmente é numa quarta, então vocês vão ter que perder um dia de escola.” Então a gente ficou meio, “Ah Deus, não!”
Oliver: Qualquer pessoa de catorze anos provavelmente diria a mesma coisa. Então a gente foi pra esse teste, e eles fizeram audições de cada papel do filme. Tinha provavelmente umas três mil pessoas lá para papéis diferentes. E eu nunca vi tanta gente com óculos só com armação, sem lentes nem nada. Crianças circulando com cicatrizes de raio feitas de batom na testa!
James: Tinha um monte de caras com portfólios enormes de escolas de atuação e tudo, e a gente apareceu sem nada. A gente nem tinha roupas combinando porque nunca usamos as mesmas roupas, além do uniforme da escola. Então andamos rápido pra loja de departamentos mais próxima e simplesmente pegamos duas camisetas. Aí esperamos por duas horas e meia e eventualmente conhecemos o diretor de elenco principal. Aí seis ou sete audições e testes de cena depois, conseguimos os papéis. E isso foi nove anos atrás.

Vocês conseguiram pegar algum dos acessórios como souvenir?
Oliver: Alguns podem ter encontrado o caminho para minha bolsa. Estávamos em tour por O Enigma do Príncipe e eu estava passando por um aeroporto. Tirei o laptop da bolsa e achei uma vomitilha. E o cara [da segurança] perguntou, “O que é isso?” Eu fiquei tipo, “…vomitilha?” Ele disse “O que isso faz?” “Te faz vomitar.” “Por que você tem isso?” E eu disse “Você não acreditaria se eu contasse.”

Vocês podem nos contar algum segredo sobre as estrelas do filme?
Oliver: [risos] Acho que as habilidades matemáticas de Rupert [Rupert Grint, que faz Rony Weasley] são algo para se desejar, especialmente quando está jogando algum esporte com ele. Jogamos muito golf e tênis de mesa, e é incrível como quando você termina um buraco de golf. “Era o seis, Rupe.” Ele dirá, “Não, era um quarto, era um quarto!” E ele começa a inverter novas regras como “Eu posso jogar a bola for a a cada nove buracos,” ou algo assim.
James: Alan Rickman [que faz Severo Snape] com sua voz grave e tudo mais, e o tipo de personagem que ele faz, você se sente intimidado. Mas ele é super extrovertido e engraçado!

Em quais filmes vocês preferiram trabalhar?
James: Tenho que dizer que foi O Cálice de Fogo. Oliver e eu sempre fomos os mais novos do elenco infantil, mas naquele momento tinham caras da nossa idade lá. Aconteceu de ter o Robert Pattinson lá, que agora foi fazer Crepúsculo.
Oliver: Não tinha percebido como Rob fazia sucesso até irmos para a América e, vamos dizer, ver que oitenta por cento das revistas lá tinha o rosto dele na capa.
James: É bem surreal pra nós porque Rob é um amigo que conhecemos daqui.
Oliver: Lembramos de sair nos pubs de Londres com ele, e ninguém falava nada pra gente!

P: Vocês gostariam de continuar atuando?
Oliver: Eu gostaria, sim, gostaria definitivamente de tentar por um tempo de qualquer maneira. A gente meio que aprendeu dos grandes da TV e do cinema britânicos.
James: Como Robbie Coltrane disse pra nós no primeiro filme, “Isso é como ter um Rolls Royce como seu primeiro carro.” Então você nunca vai conseguir algo melhor que isso.


Comentários

2 comentários

Jéssica
8 de janeiro de 2010 às 22:42

ahha Detalhe no Ronaldinho ao fundo :p
Adoro esse 2^^

Bella
9 de janeiro de 2010 às 9:48

Não entendi essa coisa toda do Golf.

Pois é, Robert era uma sombra e agora nem dar mais “bola” para “os velhos amigos”. Pra ver o que a fama faz… já o achava com pose de metido mesmo.